Desconforto que conforta

Desconforto que conforta

Texto e foto publicado originalmente no Instagram da revista Piauí.

Piaui_ElviraVigna_RenatoParada copy.jpg

“A matéria prima da literatura da Elvira Vigna era uma aridez sem fim, um compasso desagradável onde nada se resolve, acalma, melhora – nunca. Nisso ela se fez tão verdadeira e original. Ela tinha um olhar penetrante, ferozmente terno. Esta imagem – em que ela está com seu cão Boio – foi feita após encerrarmos nossa sessão em sua casa, no dia 3 de julho de 2014. Eu não lembrava de ter feito essa foto, e me fez bem descobri-la no dia de hoje. Às vezes o desconfortante é o que é preciso para confortar. O que parece não ser amor, é amor.”